O impulso é uma quantidade vetorial?

Sim, impulso é uma quantidade vetorial.

#J = F_(avg)*Deltat#
#J = Deltap#
#J = p_(2) - p_(1)#

(#J# é impulso, #p# é momento e #t# é hora)

Na primeira equação, a força média é uma quantidade vetorial, o que significa que o impulso também deve ser uma quantidade vetorial, porque um escalar vezes um vetor é sempre um vetor.

A segunda e terceira equações descrevem o impulso em termos de momento. O momento é um vetor, pois é o produto da velocidade e da massa; portanto, o impulso deve ser uma quantidade vetorial, porque a diferença de dois vetores ainda é um vetor.

Deixe um comentário