Qual é a fórmula empírica do metano dado o metano pode ser decomposto em 4.5 g de carbono e 1.5 g de hidrogênio?

Responda:

#"CH"_4#

Explicação:

Seu objetivo ao tentar descobrir um composto Fórmula empírica é encontrar o menor proporção de número inteiro que existe entre seu constituinte elementos.

O problema diz que uma amostra de metano passou por combustão e produziu

  • #"4.5 g carbon, C"#
  • #"1.5 g hydrogen, H"#

A primeira coisa a fazer aqui é converter essas massas em moles usando o massas molares dos dois elementos. Voce terá

#"For C: " 4.5 color(red)(cancel(color(black)("g"))) * "1 mole C"/(12.011 color(red)(cancel(color(black)("g")))) = "0.3747 moles C"#

#"For H: " 1.5 color(red)(cancel(color(black)("g"))) * "1 mole H"/(1.008color(red)(cancel(color(black)("g")))) = "1.4881 moles H"#

Agora, para encontrar o proporção molar que existia entre esses dois elementos na amostra que sofreu combustão, você deve dividir os dois valores pelo menor.

Você vai ter

#"For C: " (0.3747 color(red)(cancel(color(black)("moles"))))/(0.3747color(red)(cancel(color(black)("moles")))) = 1#

#"For H: " (1.4881 color(red)(cancel(color(black)("moles"))))/(0.3747color(red)(cancel(color(black)("moles")))) = 3.97 ~~ 4#

Desde #1:4# já é o menor proporção de número inteiro que pode existir entre esses dois elementos, você pode dizer que a fórmula empírica do metano é

#color(green)(bar(ul(|color(white)(a/a)color(black)("C"_1"H"_4 implies "CH"_4)color(white)(a/a)|)))#

Deixe um comentário