Identifique o cátodo e o ânodo, escreva a equação da célula líquida e calcule o potencial da célula para # "Pt" (s) | "SO" _4 ^ (2 -) (aq), "H" ^ (+) (aq) | "H" _2 "SO" _3 (aq) "||" "Ag" ^ (+) (aq) | "Ag" (s) #?

Há um pequeno truque aqui ... Ignorando o saldo da carga, a principal ação que ocorre em uma meia reação é:

#"SO"_4^(2-)(aq) -> "H"_2"SO"_3(aq) -> "H"_2"O"(l) + "SO"_2(g)#

Como resultado, descobrimos que as duas meias-reações são:

http://highered.mheducation.com/

#"Ag"^(+)(aq) + e^(-) -> "Ag"(s)#, #E_(red)^@ = +"0.80 V"#

#"SO"_4^(2-)(aq) + 4"H"^(+)(aq) + 2e^(-) -> "SO"_2(g) + 2"H"_2"O"(l)#, #E_(red)^@ = +"0.20 V"#

A redução de prata tem um efeito mais positivo #E_(red)^@#, portanto, a redução é mais espontânea para #"Ag"^+# e #"Ag"^(+)# é reduzido no cátodo.

Assim, invertemos a outra semi-reação para escrevê-la como uma oxidação e a decomposição do ácido sulfuroso leva à oxidação do dióxido de enxofre em sulfato no anódio.

#E_(o x)^@(2) = -E_(red)^@ (2) = -(+"0.20 V") = -"0.20 V"#

As reações se somam como:

#2("Ag"^(+)(aq) + cancel(e^(-)) -> "Ag"(s))#
#ul(stackrel(color(blue)(+4))("S")"O"_2(g) + 2"H"_2"O"(l) -> stackrel(color(blue)(+6))("S")"O"_4^(2-)(aq) + 4"H"^(+)(aq) + cancel(2e^(-)))#
#color(blue)(2"Ag"^(+)(aq) + "SO"_2(g) + 2"H"_2"O"(l) -> 2"Ag"(s) + "SO"_4^(2-)(aq) + 4"H"^(+)(aq))#

Para esta reação, obtemos:

#color(blue)(E_(cell)^@) = E_(red)^@ + E_(o x)^@#

#= "0.80 V" + (-"0.20 V") = color(blue)(+"0.60 V")#

E nós não multiplicamos #E_(red)^@# or #E_(o x)^@# por quaisquer coeficientes, uma vez que os mols em escala de elétrons e os mols em escala de reagentes / produtos se cancelam.

Deixe um comentário